terça-feira, outubro 23, 2012

ESTADOS UNIDOS: A ECONOMIA DOS EUA NAS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS


Lá e aqui, interessante como o ramo da construção civil, sempre gera muito empregos. 
(Jorge Castro – Clarín, 21). 
1. A economia dos EUA cresceu 1,5% no segundo trimestre, o que significa que cresceu 1,2% ao ano na fase de recuperação dos últimos três anos.  O desemprego caiu para 7,8% (-0,2%) após permanecer 43 meses em um nível de 8% ou mais. A força de trabalho foi reduzida em 6 milhões, em comparação a 2007. Assim, a taxa real de desemprego seria hoje de 10,7%.
2. O resultado é que 62% dos norte americanos acham que o país está no caminho errado.  Ao mesmo tempo, a construção de novas moradias alcançou em setembro seu mais alto nível em quatro anos (872.000 unidades / + 15% ao ano). Isto implica que o mercado da construção e o negócio imobiliário voltam em 2014, ou antes, ao nível de 2007.
3. A construção é um indicador essencial, não só economicamente, mas também socialmente e politicamente. Metade dos 8 milhões de desempregados depois de 2008 pertencem à indústria da construção. São aqueles com menor nível de qualificação e integram a faixa dos "desempregados estruturais" (mais de 1 ano fora do mercado de trabalho).
4. A taxa de poupança individual nos EUA equivale atualmente a 7% do PIB (era zero ou negativo em 2007); provavelmente vinculadas a ela, as expectativas do consumidor atingiram em setembro o maior nível desde 2008 (83,1%).

THE ECONOMY IN THE U.S. PRESIDENTIAL ELECTIONS!
There and here, interesting as the construction business, always generates a lot of jobs.
(Jorge Castro - Bugler, 21) 
1. The U.S. economy grew  1.5% in the second quarter, which means increased 1.2% per year during the recovery phase of the last three years. Unemployment dropped to 7.8% (-0.2%) after spending 43 months in a level of 8% or more. The workforce was reduced by 6 million compared to 2007. Thus, the actual rate of unemployment is now 10.7%.
2nd. The result is that 62% of Americans think the country is on the wrong track. At the same time, the construction of new homes in September reached its highest level in four years (872,000 units / +15% per year). This implies that the market for construction and real estate business back in 2014, or earlier, to 2007 levels.
3rd. The construction is a key indicator, not only economically, but also socially and politically. Half of the 8 million unemployed after 2008 belong to the construction industry. Are those with the lowest skill level and integrate the range of "structural unemployment" (more than 1 year out of the labor market).
4th. The personal savings rate in the U.S. currently equates to 7% of GDP (it was zero or negative in 2007), probably linked to it, consumer expectations in September reached its highest level since 2008 (83.1%).



domingo, outubro 21, 2012

ELEIÇÕES 2012: SÃO PAULO UMA CIDADE COM 11,2 MILHÕES DE HABITANTES.


     Nada contra o candidato a Haddad, pois penso que ele precisa de mais maturidade na questão administrativa. Não gostei de sua gestão no Ministério da Educação, houve varias trapalhadas com relação ao ENEM. Nesta eleição, o vejo como uma invenção do Lula.
     Uma cidade como São Paulo, que tem um PIB de aproximadamente R$ 389 bilhões, e que funciona como um pulmão de oportunidades para este pais, além de sua pungencia a nível nacional, vai precisar de um gestor com a experiência do Jose Serra, maturidade e um currículo amplo em servir a população deste país. Serra ocupou praticamente todos os cargos públicos, foi Deputado Federal, Prefeito de São Paulo, Governador de São Paulo, Ministro de Estado, e é Doutor em Economia. Serra tem uma historia de vida e uma trajetória política neste pais.
     Vejo que os votos das mulheres paulistanas vão ser de fundamental importância para decidir estas eleições. Sei que talento não é determinado por sexo, raça, mas a entrada em massa das mulheres nesse processo vai fazer a grande diferença, pois elas em sua grande maioria como chefe de família, estão preocupadas com á economia de são Paulo, e do pais.
     Pena que moro no Rio, pois se morasse em São Paulo, o meu voto seria do Serra.
Adenil Costa;
Ex-Subprefeito da Zona Oeste do Rio – de 2001 a 2006.

segunda-feira, outubro 15, 2012

RIO/SAÚDE: OSs X SERVIDORES

       PREFEITURA DO RIO/SAÚDE: ATÉ 10/10, OSs JÁ TINHAM FATURADO 871 MILHÕES DE REAIS! 
     (PCRJ - Relatório orçamentário- financeiro interno; atualizado até 10/10/2012).

1. Gastos Liquidados da SMS (Secretaria Municipal de Saúde). OSs: R$ 871,071 milhões / Remuneração dos Servidores da SMS: R$ 631,260 milhões. 
2. Gastos com Dispensa de Licitação: R$ 1 bilhão e 25 milhões e 590 mil. / Inexigibilidade de licitação: R$ 323,429 milhões. 
3. Faturamento das principais OSs: IABAS R$ 238,632 milhões / Viva Comunidade (Viva-Rio): R$ 184,687milhões/ Associação Paulista: R$ 164,877 milhões/ Biotech Humana: R$ 83,846 milhões/ Demais: R$ 199,029 milhões. 
4. (Ex-Blog) Cada vez a proporção de pagamentos a OSs (ONGs/empresas privadas na área de saúde), em relação ao que recebem os servidores estatutários, aumenta mais. Agora são quase 40% a mais.  

sábado, outubro 13, 2012

15 DE OUTUBRO: DIA DOS PROFESSORES. Se a Educação e cara, aposte na ignorancia.


      PARABÉNS PROFESSORES PELO SEU DIA.
      O Brasil esta vivendo um momento único na distribuição de sua população, com o crescimento de um grupo ativo que necessita melhorar os níveis de competência. Se não houver esta mudança, continuaremos com alguns patamares ruins em nossa economia.
      Para reverter este quadro, não basta mudar nomenclaturas, nem oferecer propostas educacionais para aglutinar disciplinas ou perseguir índices provenientes do IDEB. Há que concluir que a profissão de professor precisa ser atraente. Como está, pagando o Brasil, um dos mais baixos salários do mundo para os professores, será difícil conseguir pessoas com capacidade de transformação pessoal e com influencia no sistema educacional para torná-lo mais eficiente.
      Gestores e políticos têm que acabar com os discursos elogiosos e gratos aos professores, quando se comemora o dia destes profissionais. Precisamos transformar esta profissão em algo atraente, pois quem ganhará será o Brasil, pela competência aumentada de cada mestre. Caso contrário, mesmo com belas palavras, estaremos apostando na ignorância.
SÓ TEMOS DUAS SAIDAS: APOSTAR NA IGNORÂNCIA OU NA COMPETÊNCIA. Hamilton Werneck.
      O Dia do Professor foi oficializado nacionalmente como feriado escolar pelo Decreto Federal 52.682, de 14 de outubro de 1963. O Decreto define a razão do feriado: "Para comemorar condignamente o Dia do Professor, os estabelecimentos de ensino farão promover solenidades, em que se enalteça a função do mestre na sociedade moderna, fazendo participar os alunos e as famílias".

BLACK FRIDAY